terça-feira, 22 de abril de 2008

Mais uma Douradinha á bóia....

Hoje o meu Pai ligou-me a dizer que queria ir a Pesca e que até já tinha as Sardinhas descongeladas...Combinámos para as 15h para bebermos um café e irmos ver o Mar...
Assim que vi o Mar, fiquei logo a pensar na bela grade e que devia-mos era ter ficado a beber umas mines e a contarmos mentiras sobre a pesca...Mas, como o meu Pai até já tinha as Sardinhas descongeladas e como é raro nós pescarmos os dois sozinhos, resolvi descer ao pesqueiro porque a companhia valia muito mais que o peixe que pensava apanhar...

Chegados ao pesqueiro, faço um baldinho de engodo forte, lanço umas colheres para cima de umas pedras que o Mar ía lavando e começo a montar a cana sempre a observar o Mar...

As águas bastante verdes diziam-me que era um belo dia de convivio, mas como havia uma boa oxigenação talvez desse para safar a grade com algum sarguito que lá andasse perdido...

O meu Pai entretanto começa a pescar numa zona um pouco mais funda e eu meto a bóia perto de uma pedra a menos profundidade...passados uns segundos, a bóia afunda e lá veio uma Salema para cima...ao que o meu Pai diz: "é mesmo boa prá Massinha...eheheh" e passados mais uns minutos também ele tira uma Salema...continuámos a pescar e foram começando a sair os primeiros sarguitos...

Já no fim da Maré, resolvi mudar de técnica e fiz um lançamento para uma pedra um pouco mais afastada...assim que a bóia cai na agua, afunda logo e começa o carreto a cantar...ehehhe...ZZZZZZzzzzzzzzzzzzzzz eu grito logo para o meu Pai "OLHA UMA DOURADA..." mas, ao dizer isto reparo que tinha a embraiagem demasiado aberta e que na realidade até era um Sarguito pequeno mas como era um pesqueiro com pouca profundidade, o peixe tinha muita força...foi um fartote de rir claro...

Continuaram a sair mais umas Sarguetas...a minha bóia afunda novamente, eu ferro o peixe e parece que ele não quer sair do fundo...ás tantas começa a levar-me linha e pensei que agora é que era uma Dourada, mas pelo sim pelo não, é melhor não dizer nada ao meu Pai até ter a certeza......foi o melhor que fiz....era uma Tainha toda ovada....

No lançamento seguinte torno a meter a bóia no mesmo sitio e ferro outro peixe que pelo fraco bater pensei ser mais uma Tainha grande ou um Robalo pequeno que me estava a levar linha daquela maneira...tento meter o peixe á tona de água para ver o que era, mas com aquela oxigenação e a cor da água não o consegui ver bem e o meu Pai diz :"Acho que é uma Salema muita grande" e eu digo: " epah, pelo Rabo do Peixe pareceu-me uma Tainha enorme...vou meter a Rabeca...", monto a Rabeca faço-a descer pela linha e passo a corda ao meu Pai...continuo a puxar pelo peixe, mas este estava teimoso e parecia que não queria mesmo sair, começo eu a praguejar..."P*** de TAINHA, tanto trabalho e ainda me vais partir a linha...Filha da @#$@#...." de repente vejo a cabeça do peixe a entrar na Rabeca e grito para o meu Pai " PUXA,QUE É UMA DOURADA CARA***"...... era uma pequena mas bela Dourada com 1,500Kg certinhos...tirámos mais dois ou três Sarguitos e viemos embora contentes com mais uma bela faina...

11 comentários:

Pedro batalha disse...

Boa sérgio, começas bem o ano, eu ainda não me estreei.
Aproveita bem esses momentos.
abraço

Sargollini disse...

Olá Pedro
Tu ainda não te estreaste nas Douradas este ano e eu nos Robalos...
Obrigado pela participação

Um forte abraço
Sérgio

MR disse...

Boa malha, e uma pescaria na companhia do Pai é sempre especial, um dia destes tenho de ir tb com o meu pai e mentor de pesca,

Dourada pequena com 1,5kg eu quero apanhar douradas dessas pequenas tb :( :( hehe.

Dá-lhe ai, que tás com a mão quente.

Ab

hugo disse...

belas salemas.eheh
e mais uma dourada...
quando for contigo tambem podias apanhar uma, porque nunca vi apanharem uma.

abraço zeus.

Sargollini disse...

Grande Miguel...é verdade, parece que ando com a mão quente eheheh...eu disse que era pequena porque foi metade do tamanho da anterior...ihihih

Um Abraço
Sérgio

Granda Hugo...então essas pescas???
Ok, está combinado, quando formos á pesca e se lá andarem Douradas e se pegarmos alguma, eu mostro-te como se tira ehehehheh

Grande abraço
Sérgio

Sam disse...

dourada pequena ?! ehehhe !
essas assim sao mesmom o tamanho ideal para caberem no meu forno !

da-lhe !

Filipe disse...

As douradas andam no teu quintal estou a ver! Mais uma boa pesca mano parabéns!

Eu depois ensino te tirar umas maiores =p ahhah

Abração!

Pedro Russo Baião disse...

Bela pesca! Que saudades tenho eu de provar uma dourada eheheh

Sargollini disse...

Olá amigo Pedro Baião

Pois, eu também já tinha saudades de comer uma Douradinha...ehehhe

Mas agora já me sinto satisfeito !

Obrigado pelo comentário e vá aparecendo por cá .


Um Abraço
Sérgio

Anónimo disse...

Boas a todos,
pareçe-me ser estranho aki para o pessoal pescar douradas a boia, pode até ser ma intrepetação minha, mas no entanto aki na Madeira é bastante comum, até quase que afirmo que só dá com boia, mas enfim o que intressa no fim é "o espirito da coisa".
boas pescarias a todos.

Fernando Bibeiro

Sargollini disse...

Olá Companheiro Fernando Ribeiro

Aqui no Continente, é mais comum tirar-se Douradas a pescar ao Fundo.
Tem toda a razão, o que interessa é o "espirito da coisa "

Muito obrigado pela sua participação e força neles (os peixes)

Um Abraço
Sérgio

Enviar um comentário